19 setembro 2014

Referendo na Escócia

O «não» venceu mas, ainda assim,
vale a pena ler o que antes escreveu
o cantor  e homem de esquerda Billy Bragg



3 comentários:

  1. É PRECISO DIZER NÃO AO NAZISMO-DEMOCRÁTICO E SIM AO SEPARATISMO!
    .
    .
    Leia-se:
    Ponto nº1:
    - é preciso dizer NÃO àqueles que pretendem determinar/negar democraticamente o Direito à Sobrevivência de outros.
    .
    Ponto nº 2:
    Todos diferentes, todos iguais!...
    -> Isto é: TODAS as identidades Autóctones devem possuir o Direito de ter o SEU espaço no planeta!...
    {nota: Inclusive as de 'baixo rendimento demográfico' (reprodutivo)!... Inclusive as economicamente pouco rentáveis!...}
    -> Uma NAÇÃO é uma comunidade duma mesma matriz racial onde existe partilha laços de sangue, com um património etno-cultural comum.
    -> Uma PÁTRIA é a realização de uma Nação num espaço.
    Resumindo: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa!
    .
    .
    .
    P.S.1.
    Nazismo não é o ser 'alto e louro', bla bla bla,... mas sim... a busca de pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!
    [nota: para além dos hitlerianos, existem outros... um exemplo: os 'HOLOCAUSTERS' MAIS MASSIVOS DA HISTÓRIA (na América do Norte, na América do Sul, etc) são precisamente aqueles que buscaram/procuraram pretextos para negar o direito à Sobrevivência de Identidades Autóctones... nomeadamente, e em particular,... aqueles que argumentam que a sobrevivência de Identidades Autóctones prejudica a economia]
    .
    P.S.2.
    Separatismo-50-50.

    ResponderEliminar
  2. O Primeiro-Ministro inglês prometeu muita coisa aos escoceses caso optassem pelo "não" só que agora diz que terão de esperar pelas eleições do próximo ano para implementar essa ajuda mas... e se perder as eleições o mais certo é a Escócia ver as promessas por um canudo.
    Monteiro.

    ResponderEliminar