20 novembro 2018

Uma importante iniciativa

A merecer ir
para a vossa agenda



Sexta-feira, dia 30 de
Novembro, às 18.30 hs,
no Auditório 8 da
Faculdade de Direito
de Lisboa

17 novembro 2018

07 novembro 2018

QUEM SÓ OLHA PARA LUGARES NÃO VÊ OS VOTOS

Aquilo de que a
imprensa nacional
(e não só) não falará



P. Democrático : 45.575.192

P. Republicano :    33.292.218 
ou seja :
O Partido Dem. perdeu dois lugares mas teve mais 12 milhões de votos que o Partido de Trump
(é o sistema eleitoral
para o Senado)


Trump

Nem o histerismo da
«caravana» das Honduras
o salvou



Partido Democrático :
mais 4 milhões de votos !
aqui

05 novembro 2018

Foi só há 3 anos

Traições da
memória, é o que é


No editorial do «Público» de hoje, a dado passo, escreve Ana Sá Lopes: "Costa às vezes deixa algumas coisas ao acaso, mas nunca o seu futuro político. A chegada ao poder dentro do PS estava no seu programa individual há muitos anos - e quando a possibilidade da derrota face à coligação Passos-Portas começou a emergir, Costa rapidamente pôs em ebulição a sua mente pragmática e matemática, elaborando regras de três simples com que chegou à solução da "geringonça".

Acontece apenas que Ana Sá Lopes está equivocada ou desmemoriada. Recomendo-lhe que procure a primeira declaração, em sentido completamente contrário, que António Costa fez a seguir à divulgação dos resultados de 4 de Outubro de 2015. E só não ponho agora o link para o quase instantâneo comentário que aqui publiquei porque não quero lembrar coisas infelizes.